Aneel Anuncia Nova Bandeira Tarifária De Energia Elétrica

Tarifa de Energia ElétricaA Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou, nesta sexta-feira, 26, uma nova bandeira tarifária de energia elétrica. Assim sendo, a nova bandeira valerá em dezembro. Desde setembro, está em vigor a bandeira de escassez hídrica. Esta é a mais cara do sistema, que acrescenta 14,20 reais a cada 100 kWh consumidos. Por conta da atual crise do sistema energético, ela deve ser mantida até abril de 2022.

Para famílias de baixa renda que recebem o benefício da tarifa social de energia elétrica (TSEE), a bandeira tarifária mudou. Ela  passou, em novembro, de vermelha patamar 2 para amarela. Com efeito, essa alteração significa uma redução de 7,62 reais para cada 100 kWh consumidos.

A Aneel aplica o sistema de bandeiras tarifárias às contas de luz quando o custo de produção de energia aumenta. E é exatamente isso que tem acontecido no país nos últimos meses por conta da crise energética. A solução, nesse caso, tem sido usar usinas termelétricas. Além do altíssimo impacto ambiental por emitir muitos gases do efeito estufa, as termelétrica são bem mais caras. Além disso, o governo passa a importar energia de outros países.

O reajuste acumulado neste ano para consumidores residenciais chega a 7,04%, de acordo com a Aneel. A estimativa da agência é de que, em 2022, o impacto tarifário médio chegue a 21,04%.

Bandeira verde

A Aneel também informou  que em dezembro a conta de luz das famílias incluídas na TSEE terá bandeira tarifária verde. Assim sendo, a conta de luz dessa faixa não terá mais nenhuma cobrança adicional. De acordo com o comunicado divulgado pela agência, a bandeira verde “indica condições favoráveis de geração de energia”.

Em novembro, a Aneel havia acionado a bandeira amarela para a tarifa social. Dessa forma, essa faixa teve adicional na conta de luz de R$ 1,87 para cada 100 kWh consumidos no mês. Até outubro, estava acionada a bandeira vermelha. Com ela, as famílias na TSEE tinham de pagar um extra de R$ 9,49 para cada 100 kWh.

Chuvas verificadas em outubro e esperadas para novembro elevam o nível dos reservatórios das hidrelétricas. Diante disso, a Aneel decidiu reduzir a bandeira para amarela a partir de novembro.

Inclusão automática na TSEE

A partir de 2022, famílias inscritas no CadÚnico serão automaticamente incluídas na TSEE. Atualmente, essas famílias precisam procurar as distribuidoras regionais ou estaduais para fazerem a solicitação. Tem direito a essa tarifa:

  • famílias inscritas no Cadastro Único do governo federal, com renda per capita menor ou igual a meio salário mínimo;
  • idosos com 65 anos ou mais e pessoas com deficiência que recebam o Benefício de Prestação Continuada (BPC);
  • famílias inscritas no Cadastro Único com renda mensal de até três salários mínimos com um integrante que, devido a uma doença ou a uma deficiência, faça uso contínuo de aparelhos médicos que consomem energia elétrica.
Programas Sociais BR Programas Sociais BR Stories
Pesquise Artigos

Leia Estes ...

Programa Casa Paulista SP

Casa Paulista Abre Novo Cadastramento Em 2024

Em São Paulo, a SDHU (Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação) abriu o Cadastro para …

Cursos Gratuitos Graduação Univesp

Univesp Oferta Vagas Em Novos Cursos Gratuitos Para 2024

A Univesp Universidade Virtual do Estado de São Paulo — oferta vagas para cursos gratuitos …

Cursos Técnicos Da Unesp

Unesp Abre Milhares De Vagas Em Cursos Gratuitos 2024

A Unesp — Universidade Estadual de São Paulo — abriu as inscrições para cinco Cursos …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *