Mato Grosso Do Sul Divulga Programa De CNH Social

CNH Social Gratuita InscriçãoO governo estadual de Mato Grosso do Sul propôs a criação do CNH Social MS. A medida visa beneficiar cerca de 5 mil cidadãos desse estado por ano, que não teriam condições de arcar com o processo de habilitação. A ideia é instituir um programa para custear com todo o processo para a retirada da primeira Carteira Nacional de Habilitação. O custeio valerá para as categorias A, B ou AB, adição de categoria A ou B e mudança para as categorias C, D ou E.

Dessa maneira, o Projeto de Lei (PL) para instituir a CNH Social MS foi entregue nesta quarta-feira (20). De autoria do executivo estadual, o PL foi entregue ao presidente da Assembleia Legislativa, Paulo Corrêa, pelo diretor-presidente do Detran/MS, Rudel Trindade Junior.

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) disse que o acesso gratuito da CNH à população carente vai promover oportunidades de trabalho e ascensão social. Além disso, o governador justifica o PL por ela provocar a redução das infrações de trânsito relativas à direção por inabilitados.

Assim, o projeto faz parte das ações de fomento e ajuda às categorias mais afetadas pelos impactos da pandemia.

Veja o vídeo sobre este assuntos e outros no Canal deste site Programas Sociais BR:

O que o programa irá custear?

De acordo com o PL, o CNH MS Social vai cobrir todos os gastos até a retirada do documento. Assim sendo, o programa irá custear 20 aulas práticas e as 45 teóricas exigidas. Além disso, irá cobrir os exames médico e psicológico, e suas  respectivas taxas.

De acordo com a diretora de Educação para o Trânsito do Detran/MS, Elijane Coelho, para a retirada da primeira via da habilitação cada cidadão gasta, em média, R$ 2.860,00. Esse valor, sobretudo no contexto da pandemia e da crise econômica atual, impossibilita a população de baixa renda de obter a CNH.

Veja a notícia para você se Programar: www.ms.gov.br/mato-grosso-do-sul-vai-ter-cnh-social-para-beneficiar-5-mil-pessoas-por-ano/

Exigências para participar

Para obter a CNH Social, o candidato deverá estar em situação de vulnerabilidade social. Para comprovar tal situação, deverá estar inscrito no Cadastro Único (CadÚnico) do Governo Federal, além de possuir renda per capita de até 1/2 salário mínimo ou renda total mensal de até 2 salários mínimos.

Também é exigido que o beneficiário resida no Mato Grosso do Sul há, pelo menos, dois anos. 5% por cento das vagas para a primeira habilitação ficam destinadas a Pessoas com Deficiência (PcD). A Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast) será responsável por verificar a situação de vulnerabilidade social dos beneficiários.

O benefício fica vetado a quem tiver cometido crimes na condução de veículo, com sentença penal condenatória transitada em julgado. O mesmo vale para quem teve a CNH ou a Permissão para Dirigir cassada. Por fim, o benefício não contempla transferência no processo de habilitação iniciado em outra unidade da federação.

Programas Sociais BR Programas Sociais BR Stories
Pesquise Artigos

Leia Estes ...

Renapsi Programas Jovem Aprendiz

Rede Renapsi Oferece Vagas Jovem Aprendiz Emprego Em todo o Brasil

A Rede Nacional de Aprendizagem, Promoção Social e Integração – Renapsi, é uma instituição não …

FGTS Liberado

Saque Aniversário Do FGTS Veja Como Baixar o App FGTS

Criado em 2019 e em vigor desde 2020, o Saque-Aniversário do FGTS 2024 permite a retirada de …

Banco Caixa

Concurso Da Caixa Editais 2024 Para Níveis Médio e Superior

As inscrições para o Concurso da Caixa 2024, com oportunidades para candidatos de níveis médio …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *