Vale Gás É Liberado Para Famílias De Baixa Renda Em Algumas Cidades

Vale-Gás Para Família de Baixa RendaEm virtude da pandemia da Covid-19, e também da grande crise econômica que desde a derrubada da Dilma fez piorar os últimos 5 anos, os níveis de pobreza vem crescendo a olhos vistos. Assim sendo, diversos estados e municípios vem adotando a medida do Vale Gás.

Dessa forma, alguns lugares do país vem distribuindo botijões de gás ou oferecido descontos nos mesmos para as famílias que se encontram em situação de vulnerabilidade social, e que estão inscritas no programa Bolsa Família.

O gás de cozinha é um dos itens com maior aumento desde o ano passado, em tendência que vem desde 2017. Somente neste ano de 2021, foram cinco altas.

Existem ainda regiões onde as famílias precisam desembolsar cerca de R$ 150 para conseguir comprar o gás de cozinha. Com auxílio emergencial com valores de média de R$250, esse valor tem sido bem oneroso às famílias.

Ceará e Maranhão Foram Pioneiros

Dentre os governos estaduais que estão liberando o Vale-Gás, o pioneiro foi Governo do Ceará. Este estado nordestino disponibilizou um primeiro lote mais de 130 mil tíquetes em abril para mais de 184 municípios do estado. Beneficiários podem checar se obtiveram o vale gás neste link: www.central156.fortaleza.ce.gov.br/valegas/.

Para consultar se a cidade cearense está oferecendo o benefício, é necessário buscar contato com o Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) mais próximo.

Outro governo a oferecer o vale-gás é o do Estado do Maranhão. No caso maranhense, há um processo de triagem  feito pelos gestores estaduais, através da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes). Nessa triagem, a prioridade são pessoas com renda zero e os demais em vulnerabilidade. Cada beneficiário passa a ter direito a três cargas, o que equivale a um botijão de gás de 13 quilos.

A nível nacional, tramita o PL 1507/21 do senador Paulo Paim (PT-RS) que propõe a criação de um auxílio para famílias de baixa renda adquirirem botijões de gás de 13 kg.

São Paulo Vale-Gás

O governo de São Paulo disponibiliza este Programa para as pessoas em estado de vulnerabilidade tenha um botijão de gás em casa, veja como: Vale Gás (valegas.sp.gov.br)

Por quê o preço do gás subiu tanto no Brasil?

Existem duas explicações para o aumento do preço do gás no Brasil nos últimos anos: a desvalorização do real e a mudança no sistema de cálculo no preço do botijão, feita durante o governo de Michel Temer (MDB).

Durante o governo Temer (2016-2018) a Petrobras passou a adotar uma política de atrelamento internacional dos preços do petróleo e de seus derivados. Assim sendo, gasolina, diesel e todos os outros derivados vendidos nas refinarias passaram a acompanhar os preços internacionais.

Por causa dessa medida, o preço do botijão passou a depender não só do preço cobrado em outros países, mas também do câmbio internacional. Assim, se o dólar aumenta, o preço do gás e da gasolina aumentam em seguida, por exemplo.

E esses aumentos seguem oscilações do mercado financeiro e não têm mais periodicidade prevista. Podem ocorrer, assim, a qualquer momento. Antes do governo Temer, o preço era tabelado e parte do valor era subsidiado pelo governo federal.

Cuidado com falsas informações

Circulam muitas informações falsas sobre vale-gás. É preciso saber que não existe ainda nenhum programa do tipo aprovado a nível federal.

Programas Sociais BR Programas Sociais BR Stories
Pesquise Artigos

Leia Estes ...

Bolsa Atleta Potiguar RN

Bolsa Atleta Potiguar Abre Inscrições No Rio Grande Do Norte

O programa Bolsa Atleta Potiguar passou a receber inscrições em sua primeira edição, em 2024. …

Curso De Eletricista Na Equatorial Energia MA PI PA GO RS

Equatorial Abre Inscrições Para Escola De Eletricistas 2024

O Grupo Equatorial Energia abriu inscrições para a edição 2024 do Programa Escola de Eletricistas …

Programa Padrinho Legal Jundiaí SP

Programa ‘Padrinho Legal’ Abre Inscrições Em Jundiaí SP

O programa “Padrinho Legal” está com inscrições abertas, na cidade de Jundiaí (SP). Trata-se de …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *